Simpatia pelo Diabo

Calma, calma, não virei uma seguidora do mal… pelo menos ainda não! É que hoje meu dia foi muito péssimo, principalmente porque coisas que eram pra ser resolvidas até hoje não foram, e tudo por culpa dá odiosa burocracia! E como não quero falar detalhadamente sobre o assunto, porque nem vale a pena, trago músicaa!

E trago Rolling Stones, pensei nessa música hoje enquanto meu dia ia piorando, daí fui procurar algum vídeo legal, e encontrei esse do dia 19 de dezembro de 1989, ou seja, eu tinha 15 dias de existência, mal sabia o que viria pela frente, coitada… E como adoro essas coisas de data e tal, escolhi ele pra colocar aqui.

Com vocês, lhe apresento o Diabo, ele mesmo… que muitas vezes habita em nós, sem sabermos!

Simpatia pelo Diabo

Por gentileza deixe-me apresentar-me
Sou um homem de fortuna e requinte
Estou por aí já faz alguns anos
Roubei as almas e a fé de muitos homens

E eu estava por perto quando Jesus Cristo
Teve seu momento de duvida e dor
Fiz muita questão que Pilatos
Lavasse suas mãos e selasse seu destino

Um prazer em lhe conhecer
Espero que adivinhem o meu nome
Mas o que lhes intriga
É a natureza do meu jogo

Eu aguardei em São Petersburgo
Quando percebi que era hora para mudanças
Matei o Czar e seus ministros
Anastácia gritou em vão

Pilotei um tanque
Usei a patente de general
Quando a Blitzkrieg* urgiu
E os corpos apodreciam

Um prazer em lhe conhecer
Espero que adivinhem o meu nome
Mas o que lhes intrigam
É a natureza do meu jogo

Assisti com orgulho
Enquanto seus reis e rainhas
Lutaram por dez décadas
Pelos deuses que eles criaram

Gritei bem alto
“Quem matou os Kennedys?”
Quando afinal de contas
Foi apenas você e eu

Permita-me por gentileza me apresentar
Sou um homem de fortuna e requinte
Deixei armadilhas para ministreis
Que morreram antes de chegarem a Bombaim

Um prazer em lhe conhecer
Espero que adivinhem o meu nome, oh yeah
Mas o que lhes intriga
É a natureza do meu jogo

Um prazer em lhe conhecer
Espero que adivinhem o meu nome
Mas o que lhes confunde
É a natureza do meu jogo

Assim como todo cana é um criminoso
E todos os pecadores Santos
Como cara é coroa

Basta me chamar de Lúcifer
Pois estou precisando de alguma restrição

Então se me conhecer
Tenha alguma delicadeza
Tenha a simpatia, e algum requinte
Use toda sua polidez bem aprendida
Ou deitarei sua alma para apodrecer

Prazer em lhe conhecer
Espero que adivinhem o meu nome, oh yeah
Mas o que lhes intrigam
É a natureza do meu jogo

Woo, who
Oh yeah, get on down
Oh yeah
Oh yeah!

Diga-me baby, qual é o meu nome
Diga-me doçura, qual é o meu nome
Diga-me baby, qual é o meu nome
Lhe digo uma vez, é sua culpa

Woo, who, who
Woo, who, who
Oh, yeah

Anúncios

2 comentários sobre “Simpatia pelo Diabo

  1. Pois é, puuuuuuuuuuuta som ese dos Stones, hein?

    Creio que todos temos um pouco de diabo no corpo, mas nem um tostão nos bolsos! (risos)

Solte o verbo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s