Vai um jornal aí?

Você sabe que é uma estudante de Jornalismo quando começa a leitura de qualquer coisa pelo expediente, não sei vocês, mas eu não consigo mais ler sem saber quem escreveu. Seja pra conferir a matéria de algum amigo ou inimigo, o expediente é sempre minha primeira leitura. E desde que entrei na faculdade de Jornalismo não via a hora de estar numa redação de jornal e de alguma forma fazer parte de tudo aquilo. Durante 7 semestres, isso não foi possível. Só consegui agora, há poucos meses de finalmente me formar. Confesso que sinto uma pena, porque tem sido muito bom. Não sou uma deslumbrada, que quer ficar famosa, nem ter meu nome em grandes jornais, mas só de saber que alguém nessa cidade, além das pessoas que acessam meu blog poderão ler minhas palavras já faz um bem que vocês nem imaginam.

Hoje acordei cedo porque queria ter tempo de passar na banca antes de ir pra redação. Queria comprar “minha primeira matéria no jornal”. Não deu tempo, obviamente. Fui cobrir minhas pautas e enquanto entrevistava as pessoas, só ficava imaginando como tinha ficado a página, que fotos estariam lá, de que cor seriam as colunas, como teriam ficado os títulos, quais matérias estariam antes e depois das minhas. Até que entre uma pauta e outra, na correria que estou me acostumando ainda, não me contive de ansiedade e acessei o site do jornal pelo celular na esperança de conseguir ver, mas não abria. Não tinha jeito, o jeito era mesmo esperar. Esperei até que FINALMENTE estava com o que mais queria nessa manhã em minhas mãos! Olha, foi emocionante. Soltei um palavrão na hora que definiu bem minha sensação. Depois voltei ao normal e passei para as auto correções. Aquela de “poderia ter feito assim”, “faltou isso”, “não precisava daquilo”. Normal, né? 

 Tive a oportunidade de já ter passado por alguns veículos e empresas envolvidas em comunicação para ter certeza de que a redação é o meu lugar. Sei lá, mas me sinto bem tendo que correr todo dia atrás de um entrevistado, xingando o editor de textos do computador da redação quando ele implica comigo, me perdendo nas minhas anotações e nos meus papeis e nas minhas folhinhas, ouvindo várias vezes a mesma voz no gravador pra ter certeza de cada palavra e não perder nada, sabendo que eu não posso atrasar 5 minutos que o entrevistado pode desmarcar a entrevista, mas ele pode me fazer esperar por meia hora. Enfim, é muita coisa que se aprende na redação e a maioria delas, sozinha. Acho que assisti muitos filmes e vi muitos comentários sobre jornalistas, porque achei que eram todos amigões e se falavam o tempo todo. Engano. É cada um na sua, no seu computador, correndo atrás da pauta do dia e torcendo pra conseguir fechá-la ainda naquele dia para não levar trabalho para casa. Gosto assim, sabe. Sem apresentações forçadas, sem sorrisinhos de “bom dia”, nada, nada. A redação é uma sala fria, literalmente, os sentimentos são colocados quando não nas matérias, quando as lemos. É um bando de gente esquisita e estranha que fala sozinha, vive perdendo alguma caneta, sempre esquece o nome de alguma rua, nunca sabe que dia da semana é e odeia falar ao telefone. E eu achando que era maluca sozinha. UFA! 

Anúncios

6 comentários sobre “Vai um jornal aí?

  1. Adorei, Brooks! Essa de não gostar de falar ao telefone eu me identifiquei. Mas achei que galera da redação gostava, hein? Não estou sozinha nessa. Haha.
    Estou muito feliz por vc!

  2. Sou hiper beatlemaníaco! Cheguei ao blog procurando por eles. O layout está lindo, hein? e a foto deles lendo jornal ficou engraçada junto ao texto. Sucesso na sua carreira! Adorei o jeito que escreve. Beijão! 🙂

  3. primeiro, como publicitária, estou apaixonada pelo seu layout novo! se eu tivesse mais paciência, iria fazer um blog só pra ter um layout lindo assim!
    segundo, que bom que você se encontrou, estou na minha corrida maluca pra fazer o mesmo! haahhaa

    • Primeiro, valeu, Gabi! Olha, deu um trabalhinho, mas ficou lindo, né?!
      Com toda criatividade que você tem, deveria fazer um também e arrasar no layout!
      Segundo, se até EU me encontrei, você também vai! Hahahahaha
      Beijo!

Solte o verbo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s