Máquina do tempo

Acabei de ver esse vídeo e já ia postá-lo no Facebook, mas decidi publicá-lo aqui no blog. No meu raciocínio, dessa forma, mais pessoas podem ter a chance de ver essa maravilha. E vale a pena.

O vídeo é muito simples. Eles mostram algumas cenas dos Beatles para que crianças entre 6 e 14 anos comentem. Melhor do que os comentários, observem a reação de alguns deles ao verem meus mocinhos. Não preciso nem dizer que eu passo mal vendo essas coisas, né? Passo mal quando vejo qualquer pessoa curtindo Beatles. É incontrolável. Desculpem.

Apesar de todas as diferenças e problemas que eu já tive e ainda tenho com meu pai (quem nunca?), uma coisa eu devo a ele. Ter me viciado em Beatles antes mesmo de eu conseguir dizer não foi a melhor coisa que ele fez por mim. Aprendi a falar, praticamente na mesma época em que comecei a cantar as primeiras músicas deles. Depois, maiorzinha, ganhei um teclado de brinquedo, que ADIVINHEM, tocava “Let it Be”. E é claro, que eu tocava aquilo o dia inteiro. Levava para a escola e tudo. Fui até parar na coordenação porque tocava na sala de aula, quando as professoras já tinham me avisado que era só para a hora do recreio. Aí um belo dia, uma delas tomou o teclado de mim e eu, revoltadíssima, dei início a uma revolucionária guerra de papeizinhos, recrutando todas as crianças que por motivos óbvios, tinham um pouco de medo de mim. Fim da história: consegui recuperar meu teclado e fiquei feliz o resto do dia. Como é fácil ser criança, né? 🙂

Depois dessa bela e encantadora história, vejam o vídeo que eu citei lá no começo do texto. Quem sabe daqui a alguns anos uma dessas crianças criem um blog e postem alguma coisa sobre os Beatles, né? Não acho difícil.

Anúncios

4 comentários sobre “Máquina do tempo

  1. Oi, Bruna. Há tempos “tô de olho” em você.
    Pelo que já li aqui no blog, você recebe várias ~cantadas~ e sempre se saí muito bem. Quero saber se no ao vivo consegue ser assim também. Te acho muito, muito, muito, ahn, deixa quieto… Por curtir Beatles então só melhora.
    Adoraria conhecer suas tatuagens e seus cachorros. 😉

      • Vi que você escreveu isso: “Um moço me “cantou” no blog e tá perguntando como eu reajo no “ao vivo”. Se eu ficar quieta, ele vai entender que é assim? 01 dúvida.”
        Entendi, sim. Hehe.
        Vc realmente é muito, muito, muito…
        E, sim, foi uma cantada. Pena não poder fazê-la ao vivo…

      • Esqueci que o blog tem um link pro Twitter. Hahahaha.
        Como deu pra perceber não sou boa em receber “cantadas”. De qualquer forma, obrigada! 😀

Solte o verbo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s